Mensagem

INFLUENCIADORES

INFLUENCIADORES

 

VOCÊ JÁ É UM INFLUENCIADOR
·         Você sempre está influenciando alguém. Quer você queira ou não. Quer você saiba ou não. Seja para o bem ou para o mal.

·         O mundo nos observa.

 

Mt 5:14-16 (NVI)

 

·         Jesus nos compara a uma cidade construída sobre um monte, que não se pode esconder.

·         Depois de nos chamar de luz, mostra que a luz é para iluminar e não para se esconder.

·         Todos influenciam! Você não precisa ser um líder para isso.

 

Se você já entregou sua vida à Cristo: SORRIA, VOCÊ ESTÁ SENDO OBSERVADO!

 

·         Mesmo que você ache que tua luz é fraca, as pessoas te enxergam.

·         “É melhor acender uma vela do que amaldiçoar a escuridão.” Sean Feucht

·         Mas é possível esconder a luz. (V. 15)

·         Nossa vasilha é a falta de conhecimento/ignorância. (Os 4:6)

·         O fato é que temos TODA A LUZ dentro de nós! (E.S.)

·         Mas cada um deixa brilhar o quanto escolhe ou o quanto está ciente disso.

·         O que fazer para aumentar o brilho da nossa luz?

o   RENOVAR NOSSA MENTE:

1.      Estar disposto (o que penso pode não ser a verdade sobre o assunto)

2.      Identificar o que penso (verdade ou mentira).

3.      Substituir a mentira por uma verdade.

4.      Confessar e meditar nessa verdade.

5.      Dar liberdade para o E.S. agir.

 

Quanto mais estivermos cientes da realidade que habita em nós, mais isso vai fluir da nossa vida e mais natural vai ser.

“Você sempre reproduzirá a realidade que você está mais ciente que existe dentro de você.” Kris Vallotton

 

Como fazer para INFLUENCIAR POSITIVAMENTE?

 

Mt 5:16 - É PELO EXEMPLO!!

 

·         Interessante pensarmos que não é pela nossa fé mas pelas nossas obras.

·         Porque uma fé sem obras é morta! (Tg 2:14-26)

·         Tg 2:22 – “Você pode ver que tanto a fé como as suas obras estavam ATUANDO JUNTAS, e a fé foi aperfeiçoada pelas obras.”

·         Obras guiadas pela fé.

·         A FÉ te torna FILHO(A) que naturalmente gera OBRAS.

·         Você faz porque você é!

·         Se entendemos que já somos filhos amados, as obras fluirão naturalmente.

·         Uma macieira produz maçã naturalmente. Ela não precisa se esforçar e se concentrar para isso.

·         Quando entendemos quem somos em Cristo e tudo o que Ele fez por nós, precisamos colocar essa nova natureza para fora.

·         Essa nova natureza se reflete em obras.

·         E é isso que as pessoas/filhos irão ver e imitar.

 “Todo pai deveria lembrar que um dia seu filho seguirá seu exemplo ao invés de seu conselho.” Charles F. Kettering

“Aquilo que você faz fala tão alto que não consigo escutar o que você fala.”

 

AMOR            

“As pessoas não se importam com o que você sabe até souberem que você se importa.”

·         Deus nunca usa o medo.

·         Deus não pune, Ele corrige.

·         O que achamos ser punição muitas vezes é consequência das nossas atitudes.

·         Antiga Aliança (A.T.) – cultura de CONTROLE EXTERNO

o   Se alguém pecasse: era apedrejado, pegava lepra, ...

o   Se Israel pecasse: o inimigo invadia suas terras...

o   Experimentavam Deus por meios EXTERNOS.

o   A motivação era externa.

§  Bençãos para obediência

§  Punição para desobediência

·         Nova Aliança – INTERNO

o   Jr 31:31-34

o   Não precisamos mais ser controlados externamente.

 

·         Conexão de coração para coração

·         Muitos de nós continuam a criar os filhos no padrão da Antiga Aliança.

·         Muitos de nós foram criados dessa forma e até hoje acreditam que precisam dessa ameaça da punição para andar na linha.

·         O medo é nosso inimigo!

·         1 Jo 4:18 – “...o perfeito amor expulsa o medo, porque o medo supõe castigo.”

·         Temos a tendência de eliminar qualquer possibilidade de nossos filhos tomarem alguma decisão errada (bolha).

·         Mas é a liberdade de escolha que torna um relacionamento possível.

·         Deus colocou a árvore do bem e do mal no meio do jardim.

·         Deus não quer nos controlar. Ele quer que escolhamos estar com Ele.

·         Precisamos criar um ambiente seguro em casa para que nossos filhos possam errar sem ter o medo da punição.

·         Correção com amor.

·         O AMOR e o MEDO são inimigos.

·         Um bom relacionamento acontece quando os corações estão conectados e todas decisões são tomadas para proteger esse relacionamento, independente da distância entre as pessoas.

·         Nosso papel como pais é introduzir nossos filhos a um relacionamento com Deus fazendo nosso melhor para nos relacionarmos com eles como Deus o faz.

·         A maior mentira nos relacionamentos é que podemos controlar outros.

·         Ninguém pode te controlar, só você pode.

·         Nossos métodos de disciplina devem reduzir o medo e a ansiedade e não gerá-los.

 

Espero que tenha entendido que:

·         Você já é luz do mundo e pessoas observam o teu exemplo.

·         Deus nunca usa o medo, Ele nos corrige em amor.

 

 

 

Para os PGs:

 

1)      Exercício para renovar a mente sobre ser LUZ DO MUNDO.

·         RENOVAR NOSSA MENTE:

                                            i.      Estar disposto (o que penso pode não ser a verdade sobre o assunto)

1.      Pedir para o E.S. renovar a minha mente

                                          ii.      Identificar o que penso (verdade ou mentira).

1.      Sou mesmo LUZ DO MUNDO?

2.      Minha luz é muito fraca. Ninguém nem vê...

3.      Jesus disse que enquanto estivesse na terra, Ele era luz do mundo (Jo 8:12; 9:5). Posso me comparar a isso?

                                        iii.      Substituir a mentira por uma verdade.

1.      Se Jesus fala que somos luz do mundo, por que duvidamos?

2.      Eu sou a luz do mundo. Não um reflexo nem uma luzinha.

                                         iv.      Confessar e meditar nessa verdade.

                                           v.      Dar liberdade para o E.S. agir.

1.      E.S. confirme essa verdade em minha mente.

 

 

2)      Como tenho me relacionado com meus filhos? Tenho gerado medo ou tenho criado um ambiente seguro onde, mesmo se eles errarem, saberão que são amados e que a correção acontece para o seu bem?

3)      Como vejo o meu relacionamento com Deus (Pai)? Já vivo e experimento essa conexão de coração para coração ou vivo com medo de punição pelos meus pecados?